Foto da Semana > Casa do João-de-Barro


Domingo pela manhã, parei o carro debaixo de um Chapéu de Sol. Olhei para cima e vi um ninho de João-de-Barro. Cliquei-o. Lembro-me que no sítio onde morava, no Medeiros, havia alguns cedros e os ninhos do João ficavam bem no alto. Para quem não sabe, a casa desse pássaro tem dois cômodos: o primeiro é alto o suficiente para eles não precisarem se abaixar ao entrar, o outro, bem mais interno, é forrado para a postura dos ovos e os filhotes ficarem livres dos predadores. Eles mandam bem na inteligência, pois a entrada da casa se posiciona contrária à chuva e ao vento, assim não entra água nem frio dentro do cafofo. Ninguém sabe explicar o porquê de a casa só ser utilizada pelo casal por um ano ou quatro ninhadas. Após este período, partem para construir outra maternidade. E pensar que a construção é realizada com centenas de viagens, carregando barro úmido, esterco e palha, amassando-os com os pés. Deveriam alugá-las...



0 Responses

Postar um comentário