História > Navios Naufragados


24/06/2011 - 22h55
FELIPE BÄCHTOLD - DE PORTO ALEGRE

Pesquisadores encontram canhão naufragado de 1595 em Santa Catarina

Pesquisadores de Santa Catarina localizaram restos de um naufrágio que pode ser o mais antigo das Américas já identificado.

Na quinta-feira (23), mergulhadores retiraram do mar em Florianópolis uma peça de 700 quilos que estava no navio afundado. Nela, há um brasão espanhol dos reinos de Leão e Castela.

Pelos detalhes da peça, a equipe da pesquisa acredita que ela seja da época em que Portugal e Espanha estavam unidos sob o domínio de um só rei, a partir de 1580.

Em um canhão de bronze, que ainda está no fundo do mar, aparece a inscrição 1565 --relativa ao ano de fabricação do artefato.

A equipe da ONG Barra Sul, responsável pela pesquisa, afirma que os detalhes já levantados se encaixam com os de um navio espanhol que naufragou nas proximidades de Florianópolis em 1583, segundo documentos da época.

"Há fortes indícios de que seja esse naufrágio", diz Bruno Germer, um dos integrantes do projeto.

Outros objetos do navio afundado também devem ser retirados do local, como restos de cerâmica e projéteis.

O sul da ilha onde fica a capital de Santa Catarina era um ponto de apoio para navios que iam ao extremo sul do continente. Hoje, é um dos principais locais de estudo de naufrágios do país.

A peça retirada do mar será restaurada no laboratório de uma universidade do Estado. A ONG planeja criar um museu sobre os naufrágios naquela região.

Fonte: www.folha.com
Marcadores: | edit post
0 Responses

Postar um comentário